HOME REVIEWS GARUDA'S DOJO SESSÃO NOSTALGIA OUTROS

THE PUNISHER (JUSTICEIRO) IRON STUDIOS - UNBOXING E REVIEW


    O Justiceiro sempre foi um dos meus personagens favoritos da Marvel desde que comecei a ler quadrinhos. O jeito violento, seus motivos e seus valores de justiça que vão de caminho contrário ao dos heróis convencionais, fizeram com que Frank Castle rapidamente se tornasse um dos meus personagens favoritos da Marvel, tanto é que, ele é um dos meus personagens favoritos da Marvel, perdendo apenas para o Homem-Aranha no meu favoritismo.
    Quando vi que a coleção 2017 da Iron Studios incluía uma estátua do Justiceiro, logo comecei a contar os dias para o seu lançamento, pois, estava doido par ter o Frank Castle na minha coleção de bonecos, já que, apesar de ser um personagem deveras famoso, ele não possuí muitas opções de action figure, e as poucas figuras que ele possui, ou são muito feias e de qualidade duvidosa ou muito caras, então, ter uma terceira opção que mais além de ser mais em conta, também é de ótima qualidade certamente seria uma aquisição certa para a minha coleção.
     Então, sem mais delongas, vamos dar uma conferida no boneco do Justiceiro produzido pela Iron Studios?


    A primeira coisa que achei legal é a frase escrita na parte de cima da caixa "Si vis pacem, para bellum" que é uma provérbio em latino que significa "se quer paz, prepare-se para a guerra" do autor Publius Flavius Vegetius Renatus. Uma frase que combina com a proposta do personagem, porém, nunca vi essa frase sendo utilizada em algum quadrinho do Justiceiro (se tiver, por favor me atualize). Então, sinceramente falando não vejo motivo nenhum para ela estar estampada na caixa do personagem, a não ser, para servir de curiosidade e aprendizagem (levando em conta que você vá pesquisar na internet o que isso significa).


    Assim como a maioria das caixas da Iron, a do Justiceiro também possui uma abertura com velcros na caixa, para você poder dar uma espiada na figura, porém eu realmente preciso dizer. Essa ideia da Iron Studios de tapar mais de setenta por cento do conteúdo da caixa e do boneco é uma droga! Vou exemplificar porquê eu não gosto disso através de dois exemplos:


    Ao lado da caixa do Justiceiro tenho as caixas do Batman do Frank Miller da coleção Arkham City da Play Arts Kai e do outro lado tem o Predador versão 8 bits da Neca. Ambos possuem "portinhas" presas com velcros na frente da caixa para você dar uma olhada no boneco. Tanto o Batman da Play Arts Kai quanto o Predador da Neca podem ser vistos por completo. Você consegue ver o boneco de corpo inteiro, ver todos os acessórios que acompanham o boneco, e até mesmo para os mais criteriosos, é possível ver se o boneco possuí algum defeito de fabricação, ou de pintura, graças ao fato da caixa mostrar todo o conteúdo na íntegra. Já nos bonecos da Iron, você não consegue ver nada além do rosto e parte do corpo do personagem. Não tem como você ver o que acompanha o boneco e nem se está tudo certo com o boneco e com a pintura dele. Isso atrapalha até mesmo a venda do boneco, pois, imagina a situação: A pessoa nem sabia da existência deste boneco e se depara com ele em uma loja de bonecos, porém,  a pessoa não consegue ver como ele é. Sua única referência é uma imagem photoshopada do boneco. E como se ainda não bastasse, ainda tem um espaço vazio que deveria ter um arma (vou chegar nesse detalhe daqui a pouco). Sinceramente falando, você compraria às cegas? Eu iria no mínimo ir para casa e pesquisar na internet para ver como a figura realmente é fora da caixa, fazendo com que uma compra por impulso acabe indo por água a baixo. E, eu sei que isso acontece, pois, o próprio predador 8 bits da Neca acabou entrando na minha coleção por puro simples impulso de compra após ter dado uma espiada no conteúdo da caixa.
    Sinceramente, seria mais interessante eles lançarem todos os bonecos em uma caixa normal, onde você não consegue ver nada do boneco como a Kotobukiya faz atualmente com suas figuras da Marvel/ DC e colocar a foto dele na parte de atrás do que fazer uma caixa do qual você nem sequer consegue ver todo o conteúdo dela. 


    Voltando ao boneco, este é o conteúdo da caixa dele. Creio que agora deva ser o momento de eu mencionar o motivo de estar faltando uma arma na caixa. A Iron teve a brilhante (para não dizer estúpida) ideia de vender aquela arma, que seria uma metralhador como uma "versão limitada", que na verdade não é uma versão limitada, pois, não muda nada, eles apenas tiraram a metralhadora da caixa e falaram "se vocês querem o boneco com a metralhadora, venham comprar diretamente na nossa loja". 
    Não é a primeira vez que eles fizeram isso. O Exterminador da Iron Studios também tem essa estupidez de não vir completo nas lojas que revendem seus produtos, fazendo com que você seja obrigado a ir a uma loja deles para ter o boneco completo. O problema é que nem mesmo nas Iron Studios de São Paulo eu consegui encontrar a versão do Justiceiro que vem com a metralhadora. Do que adianta eles fazerem uma edição "limitada" para te obrigar a ir na loja deles e eles não terem o produto? Por que ao invés de arrancarem os acessórios do boneco e para dizer que é uma edição limitada que esgota em menos de um mês, a Iron simplesmente não pega e faz uma versão limitada de verdade? E não era preciso muito, quer um exemplo? Lançasse uma versão com a caveira vermelha para dizer que é a versão "Thunderbolts" do Justiceiro e pronto! A Iron tem uma edição limitada de verdade do boneco. Ou, pelo menos lançasse a versão sem metralhadora em um blister de isopor sem o buraco para a metralhadora, pois, para os desavisados ou novamente aqueles que nem sabiam da existência desse boneco e encontra por acaso na loja. Acha mesmo que eles vão querer levar um boneco com um blister faltando uma arma? Alguns poderiam perguntar para algum vendedor para saber do que isso se trata, mas, certamente a maioria simplesmente vai desistir da compra por achar que o produto veio com peças faltando.


    Por fim, na parte de trás do blister de isopor temos o último acessório, que, é a base do Justiceiro, que por sinal é um bem bacana. Só é uma pena que a parte enfeitada dele fica na parte debaixo, ou seja, todo esse enfeite na base não serve para nada, já que ela fica praticamente invisível.


    Os acessórios que acompanham o boneco são compostos por uma escopeta, uma pistola solta, uma mão segurando a pistola (creio que a metralhadora também acompanhava a mão) a base, e cartuchos vazios da escopeta e a da metralhadora para enfeitar a base. Agora, não me pergunte o porquê das balas de metralhadora estarem presente se a metralhadora não está. Se for para tirar a metralhadora, não seria interessante ter tirado as balas dela também?


   Uma coisa que eu achei estranho no começo, mas depois achei bem legal foi a ideia que eles tiveram de encaixar a mão e a escopeta que vêm com o Justiceiro através de imãs, ao invés de encaixe simples de plástico, como por exemplo os acessórios intercambiáveis da Kotobukiya, evitando assim o desgaste das peças quando o boneco é desmontado, ou caso você queria trocar os acessórios de lugar. Essa foi uma excelente ideia por parte deles. Só é uma pena que o Justiceiro não tem tantas peças extras assim. 


    Agora, vamos falar um pouco da base. A Iron precisa mesmo trocar esse estilo de base encaixada deles por uma base com imã, como a Kotobukiya faz com suas estátuas. Esse estilo de encaixar a base no pé do boneco é horrendo! É difícil de encaixar, é difícil de tirar e toda a vez que você encaixa e desencaixa, não tem como não sentir um certo medo do encaixe da base acabar quebrando dento do pé do boneco.


    Outra coisa que me irrita na base de encaixe da Iron Studios é o fato do boneco nunca ficar certo nela. Um dos pés dele sempre acaba ficando mais alto que o outro, e, não é uma diferença pequena que não dá para perceber, é uma diferença gritante. 


    A diferença é tão grande que dá até para pôr metade da tesoura embaixo do pé dele, e ainda sim vai ficar um espaço sobrando. E isso não é um problema exclusivo do Justiceiro, pois, eu tenho o Batman do "Batman vs Superman: A origem da justiça" da Iron Studios e ele também sofre o mesmo problema quando é encaixado na base (só que menos gritante que o Justiceiro). O boneco fica tão estranho que eu acabo optando por não colocá-lo encaixado na base mas sim apenas em cima dela, pois, apesar de tudo, tanto o Batman quanto o Justiceiro conseguem ficar em pé sem a necessidade de estarem encaixados na base, tornando assim a base apenas um acessório mais cosmético do que uma necessidade para o boneco.
   Eu mesmo não entendo o motivo do pessoal da Iron Studios ter se dado ao trabalho de colocar imãs nas partes intercambiáveis do Justiceiro e não colocarem um simples imã na base e um pedaço de metal no pé do boneco para encaixá-lo melhor na base.


   Apesar de tudo, não tem como não ficar impressionado com a qualidade do figura ao vê-lo montado. Para os padrões de preço dele, tanto o Justiceiro quanto o restante dos produtos da Iron Studios não ficam devendo em nada para outras marcas como a Kotobukiya, que, é a queridinha dos colecionadores de estátuas ou até mesmo as estátuas da DC Collectibles, que, apesar de lindas, custam um valor consideravelmente alto se comparada a outras marcas no mercado. Geralmente qualquer outra estátua de outras marcas custam no mínimo cem reais a mais que uma das figuras padrão da Iron Studios. Isso faz com que suas estátuas da Iron Studios sejam as melhores no mercado no quesito custo benefício, pois, ele possuí um preço mais acessível, e, ao mesmo tempo possuí qualidade igual (dependendo do modelo e da coleção, até melhor) a de estátuas de marcas veteranas no mercado.



     A estátua além de impressionante é muito rica em detalhes e bastante fiel ao personagem. Fora que ele é um personagem que dá bastante destaque para deixar de exposição ao lado da coleção de quadrinhos ou dentro de um expositor junto com outros personagens. Ele é uma figura espetacular. 


    Mesmo com alguns deslizes por parte da Iron Studios, posso seguramente dizer até o presente momento, esta é de longe uma das melhores figures do Justiceiro já lançada. Mesmo com a falta de itens e a base ruim, o Justiceiro ainda é um prato cheio para os colecionadores de action figures e fãs do maior matador de bandidos dos quadrinhos da Marvel, tanto pela sua qualidade quanto pelo seu preço bem mais atrativo que o de outros bonecos nesse mesmo estilo. Em suma, vale a pena tê-lo na sua estante de action figures. 






3 comentários:

Ozymandias Realista disse...

Quanto... Pagou...
Por... Ele?

Rogério M. O. Filho disse...

Belo review. Eu adquiri essa figura hoje, e posso dizer que estou muito satisfeito. Sobre a frase latina "si vis pacem (...)", ela é dita por Frank Castle na HQ "Punisher Year One", de 1994, onde a origem do justiceiro é contada de forma bastante detalhada. No filme estrelado estrelado por Thomas Jane, a frase é dita novamente.

Gualberto disse...

Obrigado Rogério! Realmente, agora que você falou do filme que eu lembrei!! HAHAHAHAHA Obrigado por refrescar a minha memória.

Postar um comentário